sábado, 2 de maio de 2015

Ser Mãe (também) é ter preocupações!

Ser mãe muda-nos para sempre e de uma forma profunda, o que antes era banal e excesso de zelo transformou-se num assunto sério e em preocupação, uma outra perspectiva sem dúvida. 
Essa nova perspectiva, a perspectiva de quem ama incondicionalmente leva-nos a pensar nos erros que cometemos, a célebre frase dos nossos pais: Eu já tive a tua idade é totalmente aplicável quando pensamos em proteger estes pequenos seres! 

Sim, quando somos pais percebemos melhor os nossos pais e revemos muitas vezes situações vividas.

A semana passada num almoço com um casal amigo que também tem 2 filhos falávamos dos disparates que fizemos em adolescentes e até mesmo em adultos e que não gostaríamos que os nossos filhos também fizessem. 
Mas como controlar isso? Os filhos são nossos mas não são verdadeiramente nossos, nossa propriedade que possamos controlar, fazer escolhas por eles e mandar na sua vida!

A teoria eu sei-a toda, transmitir os princípios, explicar, mostrar, conversar, estar atenta, ser próxima, orientar, mas a prática, a prática meus amigos, essa é sempre mais difícil e não sei se estou preparada para a discórdia, para os conflitos, não quero ser intransigente mas também não quero ser condescendente, não quero saber tudo mas também não quero que me mintam e a minha vontade de os proteger e levar ao colo é enorme. 
Porque não é sempre linear, porque não são só beijos, abraços e fotos bonitas, há chatices, há problemas, há dúvidas e preocupações, mas mesmo assim não deixaria nunca, por escolha própria, de viver esta experiência magnífica de ser Mãe! Feliz Dia da Mãe!!

 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário